Antigas Civilizações: Introdução e Propósitos

0
3054
Imagem da antiga Babilónia, com a Torre de Babel em construção
Imagem da antiga Babilónia, com a Torre de Babel em construção

Nesta secção do SITE, pretendemos apresentar documentação, noticias, pesquisas e descobertas levadas a cabo por arqueólogos entre outros pesquisadores que nos forneçam informações acerca de antigas civilizações que já tenham existido no nosso planeta, no passado.

É unanimemente reconhecido que existem segredos inexplicáveis relativos a antigas civilizações, tal o mistério no qual se envolvem as grandes pirâmides de Gizé no Egipto, dando o famoso exemplo da Grande Pirâmide, que sabe-se, foi construída em 20 anos, e que comporta 2,5 milhões de grandes blocos de pedra, sendo que para que tal pudesse ter sido exequível, fazendo os cálculos, teria de se ter cortado, transportado e colocado cada pedra a um ritmo de cerca de meio minuto cada. Como é que tal foi feito? A questão afigura-se-nos irresolúvel.

Este e outros exemplos fazem com que certas civilizações antigas estejam envoltas num véu de um grande mistério ao qual não conseguem dar resposta historiadores, arqueólogos ou outros pesquisadores.

No entanto, não obstante a carência de resposta para questões como esta, muitos cientistas não deixam de ridicularizar as hipóteses que levantam possibilidades muito diferentes das comummente aceites no modo de pensar actual.

É nesse sentido que o Paradigmas dá hipótese ao leitor de analisar por si mesmo, não só as hipóteses mais vulgarmente aceites, como também outros trabalhos realizados por pessoas que têm outras visões acerca daquele que foi o ascendente da nossa civilização actual.

Nesta secção de Antigas Civilizações não poderiam deixar de figurar, como é óbvio, algumas míticas antigas civilizações, que tanta especulação geram em torno de si, como são exemplos a Atlântida e a Lemúria, dois supostos continentes ou ilhas.

Esta secção comporta os índices:

Imparcialidade do Paradigmas

À excepção dos Artigos de Opinião, o Paradigmas sujeita a informação ao leitor, tentando manter a imparcialidade e abstendo-se de conclusões peremptórias, não se apegando a qualquer ponto de vista, deixando esse trabalho ao discernimento do leitor.

A função do Paradigmas é a apresentação de Documentos ou questões que são total ou parcialmente desconhecidas ou obscuras para o público em geral, ou por outro lado ridicularizadas pelo modo de pensar dominante, sendo que no entanto, na nossa opinião, merecem ser, pelo menos, alternativas como explicação da realidade, e analisadas como tal.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here