Grandes Descobertas Cientificas – Dezembro de 2014

0
1232
Avanços na Ciência em Dezembro de 2014
Avanços na Ciência em Dezembro de 2014

1 de Dezembro:

  • O HIV está a evoluir para uma forma menos mortal e menos infecciosa, uma vez que passa mais tempo no processo de infecção das pessoas, de acordo com um estudo científico.
  • Foi relatado o primeiro fóssil de uma planta carnívora, um ancestral de Roridula que remonta a 35-47 milhões anos.
  • Os astrónomos, no Planck 2014, uma reunião em Ferrara, Itália, relataram que o universo tem 13,8 biliões de anos de idade e é composto de 4,9 por cento de matéria atómica, 26,6 porcento de matéria escura e 68,5 por cento de energia escura.
  • Pela primeira vez, foi utilizada a impressão 3D para criar a funcionar circuitos electrónicos feitos de semicondutores e outros materiais.
  • Foram criadas as primeiras enzimas artificiais do mundo utilizando a biologia sintética.

2 de Dezembro:

  • Análises de DNA confirmam que um esqueleto que foi desenterrado de um parque de estacionamento no Reino Unido pertence  ao antigo rei, Richard III, que morreu em 1485. Este é o caso de reconhecimento de DNA da pessoa mais antiga, de sempre.
  • Uma nova pesquisa, através do ultra-som, desenvolveu uma forma táctil 3D que pode ser vista e sentida em pleno ar.
  • Foi alcançado um novo recorde de eficiência de células solares de 46% através de uma colaboração franco-alemã.

3 de Dezembro:

  • Um estudo longitudinal de uma década com 5 mil mulheres forneceu mais evidências sobre a ligação entre a dieta mediterrânea e o aumento da longevidade.
  • A mais rápida câmera do mundo 2-D foi demonstrada, capturando até 100 biliões de frames por segundo. Espera-se que este novo sistema vá melhorar mais rapidamente a compreensão das interações biológicas e processos químicos.
  • O Japão lançou o seu Hayabusa (nave espacial robótica) com a missão de recolher amostras de asteróides.
  • Utilizando novos dados do Kepler, um astrobiólogo tentou actualizar a equação de Drake. Estima-se que um planeta biótico possa existir à distância de entre 10 e 100 anos-luz da Terra, enquanto que a vida inteligente mais próxima possa encontrar-se a provavelmente a alguns milhares de anos-luz de distância.

4 de Dezembro:

  • Encontraram-se padrões de zigue-zague num escudo na Indonésia que se acredita ter 430 mil anos de idade, tornando-a na mais antigas gravações conhecidas por um ancestral humano.

5 de Dezembro:

  • A NASA realizou com sucesso o primeiro voo de teste não tripulado da sua nave espacial Orion.
  • Universidades e arquivos anunciaram o lançamento de trabalhos de Albert Einstein, que compreende mais de 30 mil documentos originais, disponíveis online no Digital Einstein.

8 de Dezembro:

  • Os cientistas fizeram progressos na elaboração de uma “pílula da obesidade”, através da utilização de células estaminais para transformar células de gordura branca, ou células “más”, em castanhas, ou “boas” células de gordura. Dois compostos já demonstraram conseguir alcançá-lo em células humanas.

10 de Dezembro:

  • Os cientistas relatam que a composição do vapor de água a partir do cometa 67P/Churyumov-Gerasimenko, conforme determinado pela sonda Rosetta, é substancialmente diferente da que se encontra na Terra. Isto é, o rácio de hidrogénio para deutério, na água do cometa foi determinado ser três vezes maior que para a água terrestre. Isto torna muito improvável que a água encontrada na Terra tenha vindo de cometas, como o cometa 67P/Churyumov-Gerasimenko de acordo com os cientistas.
  • A marinha americana introduziu uma nova arma a laser concebida para proteger os navios sem o uso de munições.
  • A nova liga de metal de “alta entropia” foi desenvolvida com uma maior relação força-peso do que qualquer outro material metálico existente.

11 de Dezembro:

  • Foi relatado que a fraca e atípica emissão de fóton em Raios-x provenientes do espaço pode ser uma evidência física de uma partícula de matéria escura.

15 de Dezembro:

  • Os dados de satélite revelam que os armazenamentos mais densos de carbono na Amazónia não estão acima do solo nas árvores, mas abaixo do solo em turfeiras.
  • Um dos seis restantes rinocerontes brancos do norte morreu de velhice no jardim zoológico de San Diego, na Califórnia, deixando apenas cinco em todo o mundo.
  • As pessoas que se sentem mais jovens que a sua idade real, são mais propensos a viver mais tempo, de acordo com pesquisa realizada pela Universidade College London. As perspectivas positivas sobre a vida e o envelhecimento, dão sensação de poder e vontade de viver, o que pode explicar a diferença na expectativa de vida.

16 de Dezembro:

  • Relatórios da NASA detectam um aumento anormal e depois diminuição, nas quantidades de metano na atmosfera do planeta Marte. Além disso, foram detectados produtos químicos orgânicos em pó perfurados a partir de uma rocha pela sonda Curiosity. Igualmente, com base em estudos na relação de deutério para hidrogénio, grande parte da água na cratera Gale em Marte verificou-se ter sido “perdida” durante os tempos antigos, antes do leito do lago na cratera formar-se; posteriormente, grandes quantidades de água continuaram a ser perdidas.
  • A Universidade de Stanford anunciou «O Estudo de Cem Anos de Inteligência Artificial» (AI100).
  • Ao bloquear a actividade de uma enzima conhecida como Granzima b, investigadores têm retardado o envelhecimento na pele de ratos.

17 de Dezembro:

  • Um homem no Colorado torna-se o primeiro amputado bilateral ao nível dos ombros a vestir e simultaneamente controlar, duas próteses modulares utilizando os seus pensamentos.

18 de Dezembro:

  • A NASA anunciou a nave espacial Kepler, recentemente configurada como a Missão K2, para produzir uma melhor estabilidade, devido a falhas com as rodas de reacção, detectadas aquando da confirmação da descoberta do seu primeiro exoplaneta, HIP 116454 b, uma super-Terra.
  • O observatório de carbono orbital da NASA (OCO-2), lançado em 2 de Julho, enviou os seus primeiros mapas globais de CO2 do gás de efeito estufa.
  • Doses regulares de ibuprofeno podem prolongar o tempo de vida de leveduras, vermes e moscas em 15 por cento, conforme relatado.

19 de Dezembro:

  • Uma nova espécie de peixe foi descoberta na Fossa das Marianas, a uma profundidade de 8.145 m (26.722 pés), batendo o recorde anterior para os peixes em maior profundidade no mundo, em cerca de 500 m (1.600 pés).

23 de Dezembro:

  • Foi anunciado um novo tratamento para a artrite envolvendo o uso de bio-electrónica implantada. Mais da metade dos pacientes que utilizaram o dispositivo viram uma dramática redução nos sintomas. Acredita-se que o tratamento pode ser utilizado dentro de 10 anos.

24 de Dezembro:

  • Cientistas descobriram hastes e cones preservados por 300,000 mil anos num olho de peixe fossilizado – foi a primeira vez que fotoreceptores fossilizados de um olho de vertebrado foram vistos.
  • Os resultados de um estudo em que policias utilizavam cameras incorporadas mostram que a tecnologia pode reduzir significativamente uso excessivo de força por oficiais e queixas contra oficiais pelo público.

26 de Dezembro:

  • A Universidade Estatal de Moscovo anunciou a criação de um banco de DNA para armazenar amostras genéticas de todos os seres vivos na Terra. A instalação, financiada pela maior doação científica de sempre do país, vai ser aberta em 2018.

31 de Dezembro:

  • Pela primeira vez, uma espécie de rã  Limnonectes Larvaepartus  foi descoberta a dar à luz ao vivo girinos, ao contrário de ovas de sapo ou sapos bebés.

Fonte: Wikipédia (en)

Artigo Original: http://en.wikipedia.org/wiki/2014_in_science#December

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here