Interacções Perigosas entre Chás, Plantas, Alimentos e Medicamentos

0
1801
Comprimidos
Comprimidos

Muitos alimentos, ingeridos em excesso cortam ou potenciam o efeito de medicamentos. Porque nem tudo o que é natural é inócuo – afinal, veneno de cobra também é um produto da natureza.

Combinações a evitar:

Cancro

Açafrão-da-índia, açaí, alcaçuz, aloe, bagas de goji, cardo mariano, chá preto, chá verde, dente-de-leão, equinácea, hipericão, mangostão, noni, e pau d’arco – podem alterar o efeito terapêutico dos anticancerígenos por potenciar a toxicidade ou diminuir a eficácia.

Aipo, alcachofra, bétula, boldo, cáscara sagrada, cavalinha, dente-de-leão, ruibarbo, sene, urtiga, uva-ursina. Estas plantas, por terem actividade laxante e/ou diurética, podem diminuir a absorção da medicação ou aumentar a sua eliminação do organismo, diminuindo o efeito terapêutico.

Hipertensão

Bagas goji e alho, em grandes quantidades ou em suplementos – podem alterar o efeito dos anti-hipertensores.

Ginkgo, oliveira e pirliteiro – podem diminuir demasiado a pressão, provocando hipotensão.

Alcaçuz, beringela, chá preto, chá verde e ginseng – podem provocar um aumento de pressão arterial, contrariando o efeito dosmedicamentos.

Diabetes

Açafrão-da-índia, aloe, bagas de goji, bardana, canela, gengibre, ginseng, goma de guar, mirtilos, noni, psílio, sabugueiro, e sementes de linhaça – podem aumentar os efeitos dos antidiabéticos e insulina, resultando em hipoglicemia.

Hipoglicémia

Doenças Tromboembólicas

Açafrão, alfalfa, alho, aloe, angélica, bagas de goji, camomila, cardo mariano, castanheiro-da-índia, clorela, gengibre, ginkgo, palmeto e pirliteiro – interagem com os anticoagulantes e podem aumentar o risco de hemorragias.

Chá preto, chá verde, hipericão, noni e urtiga – podem diminuir a eficácia dos anticoagulantes, aumentando o risco de AVC e enfarte.

Hemorrogias

Depressão

Açafrão-da-índia, alcaçuz, camomila, cardo mariano, centelha asiática, dente-de-leão, erva-cidreira, erva-de-gato, ginkgo, hipericão, lavanda, mangostão, passiflora, tília e valeriana – podem alterar o efeito de ansiolíticos e antidepressivos fármacos.

Depressão

Contracepção

Amieiro negro, anho-casto, cáscara sagrada, clorela, dente-de-leão, hipericão, sene, trevo vermelho – podem diminuir a eficácia da pílula (situações pontuais).

Contracepção

Analgésicos e anti-inflamatórios

Alho, açafrão-da-índia, alcaçuz, angélica, camomila, cardo mariano, harpagófito, lavanda, mangostão, noni, palmeto, trevo vermelho – aumenta a toxicidade e o risco de hemorragias e nódoas negras.

Dores Musculares

Antibióticos

Açafrão-da-índia, alcaçuz, alecrim, alho, ananás, dente-de-leão, equinácea, funcho, noni, toranja – pode diminuir a eficácia e segurança do medicamento.

Fonte: Visão

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here