Empresa de José Lello recebeu 70 milhões do Estado português

0
412
Sociedade ligada à construção, ambiente e renováveis conseguiu mais de 60 adjudicações de entidades públicas
Sociedade ligada à construção, ambiente e renováveis conseguiu mais de 60 adjudicações de entidades públicas

A empresa DST SGPS com interesses na construção, Ambiente e energias renováveis recebeu em cinco anos mais de 70 milhões de euros em contratos com o estado. Durante esse período, José Lello, deputado socialista, foi vogal do conselho de administração desta empresa , embora a DST SGPS alegue que durante esse período, o deputado nunca tenha sido remunerado nem tenha recebido quaisquer ajudas de custo.

A investigação é do Correio da Manhã e mostra que a DST SGPS fez obras em várias escolas (ao abrigo da Parque Escolar) e reabilitaram sistemas da Refer, assim como outras obras que aumentaram o capital da empresa face a 2007. José Lello exerceu o cargo de vogal da administração entre 2007 e 2012, período que coincide com este aumento de empreitadas conciliando esta função com a função de deputado. Este cargo está declarado no registo de interesses do deputado socialista.

Em resposta ao Correio da Manhã, a DST diz que Lello nunca teve qualquer influência nos concursos públicos ganhos pela empresa e que o deputado nunca foi remunerado pelas suas funções.

Fonte: Observador.pt

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here