BIOGRAFIA: Edgar Cayce

2
4023
Edgar Cayce
Edgar Cayce

Edgar Evans Cayce (Hopkinsville, 18 de Março de 1877Virginia Beach, 3 de Janeiro de 1945) foi um vidente e conselheiro espiritual norte-americano que terá canalizado respostas para questões que tratam sobre espiritualidade, imortalidade, reencarnação, Saúde, de entre outras (sobre quase tudo, na verdade, inclusive, onde encontrar petróleo). Também fundou a organização sem fins lucrativos Association for Research and Enlightenment. Nasceu numa fazenda e era muito religioso desde pequeno.

Cayce teria sido um dos maiores clarividentes da História. Era chamado pela imprensa norte-americana como “O Profeta Adormecido“, porque predizia eventos futuros e prescrevia medicamentos com os olhos fechados, relaxado sobre um divã e ao lado de uma taquígrafa realizando as anotações, num suposto estado de “transe”.

Entre algumas predições que terá realizado, estão a previsão do início e do fim dos conflitos da I e II Guerras Mundiais, o surgimento do Nazismo, os conflitos raciais dos EUA desde o início dos anos 20, as datas dos falecimentos de dois dos Presidentes dos EUA à época, a extinção da Liga das Nações (organização que antecedeu a ONU em princípios e objectivos), a Grande Depressão Económica (19291934) dos EUA, o fim do comunismo na Rússia e o surgimento da China como grande potência económica e cultural.

Entre as predições que [ainda] não se realizaram, está a III Guerra Mundial, que surgiria do conflito entre a Líbia, Egipto, na Síria e em regiões remotas na Indonésia, Golfo Pérsico e Austrália. Outros eventos como transformações do clima, geologia e geografia da Terra, como o aumento do nível dos oceanos, o regresso da actividade das falhas sísmico-geológicas e vulcões, a submersão da Califórnia, o desaparecimento de Nova York, a destruição do arquipélago japonês, de entre outros, que ainda estão por se confirmar parcial ou inteiramente.

Edgar Evans Cayce era filho de agricultores e as suas habilidades psíquicas começaram a aparecer na sua infância. É alegado que Edgar Cayce poderia ver e falar com o espírito do seu avô e de outros espíritos e ainda criança podia memorizar livros dormindo sobre eles.

Na área da Saúde, teria predito o aparecimento de doenças modernas, como o stress, tensão arterial alterada e o aumento das doenças cardíacas.

Edgar Cayce
Edgar Cayce

Os seus clientes incluem uma série de pessoas famosas, como Woodrow Wilson, Thomas Edison, Irving Berlin e George Gershwin .

Além das Profecias, realizou também um detalhado relato sobre o mítico continente da Atlântida.

Sendo o vidente mais célebre do Século XX, assim como grande profeta, era também capaz de fazer diagnósticos médicos exactos e demasiado avançados para a época. Foi, além disso, um devoto proponente de erudição da Bíblia.

Os pais atribuíam as suas alegações de que falaria com familiares já falecidos a uma imaginação demasiado activa, de uma criança solitária, que tinha sido influenciada pela linguagem  dramática das reuniões para o despertar religioso, que eram muito populares naquela região.

Um dia, na idade de sete anos, teve uma visão de uma senhora luminosa, quando se encontrava amuado por ter sido repreendido pelo pai, por ter descurado os seus estudos escolares. A visão perguntou-lhe o que ele gostaria de fazer na vida, e ele respondeu que gostaria de ajudar os outros. Então, a partir daquele momento começou a manifestar poderes surpreendentes, que ainda não eram reconhecidos como super-poderes na altura. Conseguia decorar as suas lições
escolares, colocando os livros sob a almofada antes de dormir.

Todavia, isso começou, mais tarde, a desvanecer-se, e Edgar apenas completou o sétimo ano antes de começar a procurar o seu próprio lugar no mundo.

Aos quinze anos sofreu um acidente na escola ao ser agredido por um taco de basebol, na parte de trás do pescoço. Entrando pela primeira vez em transe, deu aos pais todas as instruções para o tratamento da ferida. A primeira cura milagrosa realizada nele mesmo deu-se quando perdeu a voz, e nenhum médico foi capaz de resolver o problema. Então Cayce, em transe,  à frente de várias pessoas, curou-se a si mesmo.

Isso aconteceu em 1898, aos vinte e um anos, quando foi trabalhar como vendedor para uma companhia de artigos de papelaria de vendas por atacado. Naquela altura começou a desenvolver uma paralisia dos músculos da garganta que o ameaçavam de perder a voz. No entanto, os médicos foram incapazes de encontrar uma causa física e tentaram a hipnose, mas falharam em conseguir um efeito permanente. Como último recurso Edgar pediu a um amigo para ajudá-lo a voltar a entrar no mesmo tipo de sono hipnótico, que o tinha capacitado a memorizar as suas lições no tempo de escola. O amigo, então, ajudou-o a utilizar a mesma sugestão, e assim que Cayce entrou em transe de auto-indução, começou a lutar de forma tenaz com o seu próprio problema. Durante o transe recomendou a medicação e a terapia manipulativa que o ajudaria a recuperar, com êxito, não só a sua voz, como também conseguiu curar o problema da garganta.

A partir daí, um grupo de médicos de Hopkinsville e Bowling Gren, em Kentucky, resolveram aproveitar o seu talento invulgar, para diagnosticarem os seus doentes. Rapidamente descobriram que Cayce apenas precisava que lhe dessem o nome e endereço dos pacientes, que o capacitava sintonizar, telepaticamente, a mente e corpo do indivíduo, onde quer que estivesse, de maneira tão fácil, como se encontrassem na mesma sala. Ele não precisava que lhe dessem mais nenhuma informação relativamente ao doente.

Entretanto, o Dr. Wesley Ketchum, um jovem médico, resolveu apresentar um relatório sobre este procedimento heterodoxo a uma sociedade clínica de investigação, na cidade de Boston. E, a 9 de Outubro de 1910, o New York Times ostentava duas páginas com grandes cabeçalhos e fotografias sobre o assunto. A partir daquele momento, doentes e inválidos de todo o país começaram a procurar a ajuda daquele homem milagroso.

Quando Edgar Cayce faleceu a 3 de Janeiro de 1945, em Virgínia Beach, Virgínia, deixou mais de catorze mil registos de documentação estenografada, sobre as declarações clarividentes e telepáticas que ele tinha dado a mais de oito mil pessoas diferentes, num período de quarenta e três anos. Todos estes Documentos dactilografados são referidos como “leituras”.

Essas leituras constituem um dos maiores e mais impressionantes registos de percepção psíquica alguma vez emanada de um único indivíduo. Todos esses registos relevantes, correspondência e relatórios foram classificados sob milhares de cabeçalhos e colocados à disposição de psicólogos, estudantes, escritores e investigadores, cujo número de consultas tem aumentado consideravelmente.

Uma análise aproximada das leituras, conforme o assunto, indica que cerca de sessenta por cento são de diagnósticos físicos, vinte por cento são “leituras de vidas passadas” e os restantes vinte por cento poderão ser agrupados com o título de “outros assuntos”.

Número de artigos (Edgar Cayce): 5

LISTAGEM:


2 COMENTÁRIOS

  1. Sou grato por este trabalho, devemos conhecer e refletir sobre tudo a nossa volta.
    O homem tem muito, ainda para conhecer, somente com conhecimento e sabedoria iremos transformar este planeta EM LUZ, HARMONIA, PAZ E AMOR INCONDICIONAL. Namastê !!!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here